Chuvas castigam região e rios voltam a subir no Noroeste

Três Vendas continua alagada. Foto: AFP
Neste sábado (07) as cidades mais atingidas pelas enchentes dos rios Muriaé e Pomba no estado do Rio de Janeiro já não apresentavam alagamentos, com exceção da comunidade de Três Vendas, em Campos, aonde as águas do Muriaé que invadiram a localidade depois do rompimento de um dique na BR 356 começaram a abaixar.

Entretanto, entre sábado e domingo a chuva voltou a castigar a Zona da Mata Mineira, aonde se localizam as nascente dos rios que cortam a região, e também o Norte e Noroeste fluminense. O nível do rio Muriaé voltou a subir e transpor a cota de transbordamento em Cardoso Moreira, Italva, Itaperuna e Laje do Muriaé.

Em Cardoso Moreira as ruas amanheceram com 50cm de água depois, mas não foi preciso retirar ninguém de suas casas, segundo informações da Defesa Civil do município. De acordo com a Defesa Civil de Itaperuna choveu cerca de 100mm em toda região fazendo.

Apesar das chuvas o rio Pomba em Santo Antônio de Pádua não transbordou e está 60cm abaixo da cota de transbordo. Agora um novo rio que preocupa a Defesa Civil é o Carangola, também com nascente em Minas Gerais, corta as cidades de Porciúncula e Natividade no Rio de Janeiro. Em Natividade o rio Carangola está 42cm acima do nível de transbordamento, segundo o Instituto Estadual do Ambiente (Inea).

Fonte: Ururau, G1 e Jornal do Brasil

Posted by Aldir Junior de Sales Gomes on 1/08/2012 10:45:00 AM. Filed under , , , , , , , , , . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0
 

Inscreva-se em nossa newsletter

2010 BlogNews Magazine. All Rights Reserved. - Designed by SimplexDesign